Cidadeverde.com

Agentes vão multar quem caminhar sem máscara na Raul Lopes a partir de hoje

Lentamente, as atividades começam a ser restabelecidas em Teresina. Ontem, foi liberado o calçadão da Avenida Raul Lopes para a prática de atividades físicas isoladas. Mas as pessoas precisam entender que a flexibilização não significa que a pandemia acabou. O vírus continua a circular e a fazer vítimas, algumas fatais, em nosso meio. O Piauí nem sequer entrou em declínio no número de novos casos e óbitos.

Ontem à tarde, no primeiro dia de permissão para a prática de caminhada e corrida na Raul Lopes, ainda havia gente circulando sem máscara, sob as mais variadas e esfarrapadas desculpas. Uma equipe da vigilância sanitária do município esteve no local para fazer uma abordagem educativa e até distribuir máscaras para quem não as estava portando no rosto.

A partir de hoje, o trabalho da vigilância deixa de ser meramente educativo e passa a ser punitivo. E é bom lembrar que, segundo o Decreto, quem for flagrado em local público sem usar máscara pode ser multado com valores que variam de R$ 500 a R$ 1 mil. Além disso, os médicos orientam que não se pode caminhar ou correr próximo a outra pessoa. A distância mínima preservada deve ser de dois metros, por questão de segurança.

Se quisermos voltar a ter uma vida pelo menos parecida com a que vivíamos até o ano passado, teremos que ter disciplina e responsabilidade para cumprir o que a ciência já pesquisou e descobriu ser a única forma possível no momento para evitar a propagação do vírus que, só no Piauí, já matou 1278 pessoas.