Cidadeverde.com

Começa a fase de transição na Prefeitura de Teresina

Com o anúncio do resultado oficial do segundo turno das eleições municipais em Teresina, começa o curto período de transição de governo. Como o pleito foi adiado em razão da pandemia, restou pouco tempo entre o resultado das urnas e o início do novo governo. Praticamente três semanas, se descontarmos o recesso de Natal e ano Novo.

Este é o tempo para que a nova equipe de governo conheça a realidade da administração pública, orçamento, obras empenhadas, receitas a receber, número de funcionários, contratos e projetos. Ainda ontem, o prefeito Firmino Filho anunciou que a equipe está pronta para fazer a transição ao vencedor.

O coordenador de campanha do prefeito eleito, João Henrique Almeida Sousa, disse que irá solicitar uma audiência para esta terça-feira, a fim de dar início a esse processo. Nos bastidores, comenta-se que João Henrique deverá ser o futuro secretário municipal de administração, cargo já ocupado por ele. O vice-prefeito eleito, Robert Rios, também deverá fazer parte dessa equipe de transição.

A partir de janeiro, a cidade viverá sob uma nova administração, depois de 27 anos de gestão tucana, iniciada em 1993, com a eleição do prefeito Wall Ferraz, e que implantou um modelo próprio em Teresina. O MDB volta ao comando do Palácio da Cidade. Nesse período tucano, o partido participou na condição de vice por duas vezes, com o vice-prefeito Marcos Silva e com o professor Luís Júnior.