Cidadeverde.com

Prefeitura de Teresina cancela serviço de ajuda à pessoa com deficiência

Depois de onze anos de atividade em defesa das pessoas com deficiência, o serviço Levanta-te, Vem para o Meio, realizado pela Ação Social Arquidiocesana em parceria com a Prefeitura de Teresina foi desativado porque o Serviço Social do Município não renovou o contrato com a Asa. A desativação do serviço traz enorme prejuízo às pessoas com deficiência que tinham nesse serviço o apoio necessário para qualificação, inclusão no mercado de trabalho e garantia de acessibilidade à pessoa surda. O serviço oferecia, inclusive, disponibilidade de intérprete de libras.

Durante os onze anos em que funcionou, o Levanta-te, Vem para o Meio qualificou 3.883 pessoas com deficiência e inseriu mais de 4 mil usuários no mercado de trabalho. Pela relevância do trabalho executado o Ministério Público do Piauí expediu uma recomendação para que a Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas – Semcaspi – adote medidas com vistas à manutenção plena de todos serviços/projetos socioassistenciais realizados em parceria com entidades privadas, de forma complementar, no padrão vigente, sem solução de continuidade e sem qualquer redução de gastos.

O MP pede ainda que a gestora preste informações no prazo de cinco dias sobre o acatamento, ou não, das recomendações expedidas.Além do Levanta-te, a Semcaspi suspendeu ainda a parceria para o funcionamento do Lar de Misericórdia, que abriga pacientes com câncer que vêm a Teresina em busca de tratamento, assim como a Fazenda da Paz que trata pacientes dependentes de drogas. 

Em nota, a Semcaspi informou que em função da crise econômica e da redução de repasse dos recursos federais, a secretaria está avaliando cada termo de parceria no sentido da sua continuidade.