Cidadeverde.com

Ministério da Saúde decidiu recorrer à ciência para combater Covid

No dia 1° de julho, o Ministério da Saúde irá começar uma grande pesquisa sobre a situação da Covid-19 em todo o país. Serão ouvidos 211.129 brasileiros, distribuídos em 62 mil domicílios de 274 municípios de norte a sul do Brasil. O Ministério da Saúde quer traçar um perfil do cenário epidemiológico por região, a partir do conhecimento do comportamento do vírus no território nacional.

Os participantes serão selecionados a partir da PNAD Covid elaborada pelo IBGE. No primeiro momento, eles serão contactados por telefone; depois, receberão uma mensagem de texto ou WhatsApp. Confirmados os dados, será agendada a coleta de sangue, em horário e local definidos pelo participante.

A adesão à pesquisa é voluntária e os dados serão mantidos em sigilo. Os participantes serão testados para que possa ser identificada a presença de anticorpos do tipo IGG, que revelará quem já foi contaminado e quem desenvolveu imunidade após a vacinação.

O custo total da pesquisa está avaliado em mais de R$ 200 milhões. Os dados coletados servirão de base para que o Ministério da Saúde possa traçar as estratégias de enfrentamento à pandemia. Finalmente, a ciência está entrando em campo nesse jogo, ainda que seja somente no segundo turno da partida, depois da morte de mais de 422 mil brasileiros.