Cidadeverde.com

HGV é modelo em programa de Residência Médica

Na manhã desta sexta-feira, 9,  uma equipe técnica do Rio Grande do Norte vai visitar o Hospital Getúlio Vargas para conhecer o modelo de Residência Médica estabelecido entre o hospital e a Universidade Estadual do Piauí, a fim de implantar um programa semelhante no Hospital de Mossoró. A equipe é composta por nove profissionais, incluindo a reitora da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte, técnicos da Secretaria de Saúde do Estado e professores.

Na carta endereçada ao diretor do HGV, médico Osvaldo Mendes, a Secretária Adjunta da Saúde do RN, Maura Vanessa Sobreira, destaca que escolheu o Getúlio Vargas “pela experiência exitosa de integração ensino serviço e do modelo de gestão que dispõe”. O hospital conta hoje com dez residências médicas e uma multiprofissional.

O HGV começa a deixar para trás os momentos mais difíceis vividos durante a pandemia, quando teve que suspender as cirurgias eletivas para tentar barrar o avanço do Coronavírus. Só no mês de junho foram realizadas 1.310 cirurgias, número que representa um aumento de 456% com relação ao mesmo período do ano passado. A maior parte desses procedimentos é de cirurgias ortopédicas.