Cidadeverde.com

Mais uma semana de dor para as mulheres

Uma semana particularmente triste se encerra com dois casos que chocaram pela brutalidade e covardia praticados contra mulheres. O século XXI já deveria ter enterrado no passado histórias dessa natureza, mas, infelizmente, elas continuam a acontecer com uma frequência assustadora.

No início da semana, as imagens que circularam nas redes sociais do DJ Ivis são de embrulhar o estômago. Um homem que no meio social aparece como um profissional de entretenimento para levar alegria ao público, no privado age como um brutamontes batendo sucessivamente na mulher. Sem o menor respeito por ela, pela criança de colo, pela sogra. Alguém tomado por um sentimento nefasto de superioridade que, desprovido de qualquer razão, age somente pela força da violência.

Ontem, em Teresina, duas mulheres prestaram depoimento contra um advogado, acusado de estupro, e com traços de crueldade, como se o estupro, por si só, já não fosse abominavelmente cruel. É inadmissível que mulheres continuem a sofrer esse tipo de abuso, depois de tantos anos de conscientização e até mesmo da Lei Maria da Penha.

A força da Lei precisa ser aplicada com todo rigor para afastar esse tipo de pessoas – que nem merecem ser chamados de homens – do convívio social. A solidariedade deve vir de toda a sociedade que já não pode mais assistir calada a esse tipo de violência. Basta!