Cidadeverde.com

França identifica nova variante do Coronavírus

Um pesadelo que parece não ter fim. Enquanto a população do mundo inteiro ainda está assustada com a propagação acelerada da variante Ômicron, pesquisadores franceses já anunciam a descoberta de uma nova variante, batizada de Ihu, as iniciais do Instituto Hospitalar Universitário de Marselha, onde ela foi identificada.

O primeiro caso registrado na França foi na cidade de Forcalquier, no Departamento de Alpes da Alta Provença, mas em setembro do ano passado essa variante já havia sido identificada na República do Congo.

Ainda há poucas informações sobre a Ihu, mas sabe-se que ela possui 46 mutações, até mais que a Ômicron que tem alto poder de transmissibilidade, o que pode ajudar a sua propagação em curto espaço de tempo.

Enquanto as pessoas não se conscientizarem que estão vivendo uma pandemia e que precisam manter os cuidados necessários em situações como essa, novas variantes irão surgir, estendendo a duração da Covid para além do suportável. A imunização também precisa ser democratizada. Sobram vacinas nos países ricos e faltam nos países subdesenvolvidos. A Covid, como se vê, tem muito da responsabilidade humana na sua evolução.