Cidadeverde.com

Teresina ocupa o 21° lugar entre as capitais brasileiras em sustentabilidade

Teresina ocupa a 21ª posição entre as 27 capitais brasileiras no ranking de sustentabilidade. A lista consta no relatório divulgado hoje à tarde pelo IDSC-BR, que mede o índice de desenvolvimento sustentável das cidades brasileiras, de acordo com as metas estabelecidas pelos objetivos de desenvolvimento sustentável da ONU, avaliadas durante o ano de 2020. O primeiro lugar ficou com a cidade de São Paulo; e o último, com Macapá.

A capital piauiense obteve pontuação de 47,29 – considerada baixa. As notas variam de zero a 100, sendo que 100 é o limite máximo, obtido quando a cidade atinge desempenho ótimo no cumprimento das metas.  

No detalhamento, Teresina apresenta vários pontos vermelhos, nos quais são apontados desafios significativos a serem superados. É o caso do esgotamento sanitário, que obteve nota 35,74; desemprego entre jovens – 17,40; população atendida com coleta seletiva de lixo – nota zero; e a taxa de homicídio por 100 mil habitantes – 27,06.

O índice é uma ferramenta que visa estimular o cumprimento da Agenda 2030. Os dados revelam que Teresina ainda tem muito o que avançar para proporcionar qualidade de vida sustentável aos seus habitantes.