Cidadeverde.com

É hora de aproveitar a água da chuva


Com um atraso maior que o desejado, as chuvas chegaram ao Piaui. E vieram até com intensidade razoável. Em muitas cidades, já estão até trazendo prejuízos, com a destruição de pontes e estradas, sem contar as inundações que afastam os moradores de suas casas. Apesar desses transtornos, a chuva é sempre benvinda ao Piauí, estado localizado na região do semiárido nordestino, castigado pela seca durante a maior parte do ano.


O problema é que não estamos suficientemente preparados para lidar com as variações da natureza. Quando chove bem, como agora, não há como armazenar toda a água que cai do céu e boa parte dela é desperdiçada. No segundo semestre, época mais seca do ano, essa água que sobra hoje faz falta até para matar a sede da população. 


Essa disparidade entre excesso e escassez pode ser traduzida pela falta de planejamento que nos acompanha há séculos. Em alguns casos, há açudes, mas falta adutoras. Em pequenas comunidades, a simples presença de cisternas contornaria um problema tão grave quanto antigo no Piauí, que é a falta de água.


A Cáritas do Brasil deu uma boa contribuição na disseminação de cisternas pelo sertão piauiense, mas é preciso mais, muito mais. Do contrário, chegaremos à segunda metade do ano com o mesmo desfile impiedoso dos famigerados carros-pipa. E voltaremos a ver gente passando sede e gado morrendo pelo chão seco.