Cidadeverde.com

O uso da tecnologia contra o mosquito

O Colab. é um aplicativo disponível para os sistemas IOS e Android e já vem sendo utilizado em Teresina para que os moradores apontem reclamações e sugestões à Administração Pública. Por meio dele, a pessoa faz uma foto do problema do seu bairro e posta junto com o comentário. A partir de agora, além de receber as denúncias, haverá um processo de gerenciamento das demandas para que a Prefeitura possa dar uma resposta mais rápida e efetiva às reclamações populares.


O município de Teresina, como de resto todo o planeta, está em guerra contra o mosquito. E a ideia é que cada vez que um teresinense avistar um possível criadouro, seja ele em local público ou privado, possa comunicar diretamente à Prefeitura para que sejam tomadas as medidas necessárias.


Depois que a Organização Mundial de Saúde deu o alerta e classificou a zika como um caso de emergência global, o Brasil parece ter acordado para o problema. O governo federal publicou, esta semana, no Diário Oficial da União, a Medida Provisória que permite que os agentes de endemias possam entrar em imóveis públicos ou particulares, mesmo se o dono não for localizado ou se o lugar estiver abandonado. Teresina já vem adotando esse comportamento há algum tempo por meio de um decreto de emergência em saúde pública assinado pelo Prefeito Firmino Filho. No caso da capital piauiense, o agente pode registrar um auto de infração e o proprietário do imóvel pode ser multado em valores que variam de R$ 159 a R$ 309 mil.


O aplicativo é mais uma ferramenta importante no controle do mosquito. Esta é uma batalha que tem que ser travada tanto pelo poder público quanto por cada morador individualmente. Só assim conseguiremos derrotar o mosquito que está fazendo estrago de norte a sul.