Cidadeverde.com

UFPI elege hoje novo reitor

Hoje, a disputa eleitoral está concentrada na Universidade Federal do Piauí, onde ocorrem as eleições para escolha dos novos dirigentes da Reitoria, que irão administrar a UFPI por um período de quatro anos.

Professora Regina Célia de Assis, do departamento de Bioquímica, disputa vaga

Duas chapas disputam o pleito: uma, encabeçada pelo atual reitor, Arimatéia Dantas e sua vice, Nadir Nogueira; a outra, formada por duas mulheres, as professoras Regina Célia de Assis e Marta Queiroz.

As eleições na UFPI costumam ser sempre muito disputadas e nem poderia ser diferente. O ambiente acadêmico é solo fértil para debates, discussões e participação democrática. 34 mil eleitores estão aptos a votar nas117 urnas  espalhadas por todos os campi do Piauí na votação que vai das 8h às 22h.

Com a participação de todos os segmentos, esta eleição tem uma importância significativa. A reitoria da UFPI, nossa principal instituição de nível superior, tem a missão de oferecer condições adequadas para a disseminação do saber, por meio do tripé ensino, pesquisa e extensão, primando pela qualidade da educação.

Com a expansão dos cursos oferecidos , tanto de graduação quanto de pós-graduação, quem ganha é o estado do Piauí, que passa a contar com profissionais mais qualificados e aptos para promover o desenvolvimento social. E a UFPI, é preciso reconhecer, tem se esforçado nesse sentido. Apesar das deficiências naturais decorrentes da falta de recursos, o número de mestres e doutores no estado tem crescido nos últimos anos, tanto por conta dos cursos ministrados aqui mesmo como por meio dos programas interinstitucionais desenvolvidos com outras universidades de peso no Brasil.

O caminho da educação é sem volta e é o único possível para tirar o atraso da sociedade e promover um crescimento sustentável e consolidado. Portanto, a mobilização de professores, estudantes e servidores é plenamente justificável neste dia que decidirá o futuro da UFPI para o próximo quadriênio.

Professor José Arimatéia tenta a reeleição