Cidadeverde.com

O terremoto Trump abala o planeta

Um terremoto político sacudiu a América nesta madrugada, com tremores colaterais sentidos nos seis continentes. Contrariando as pesquisas de opinião pública, o milionário e imprevisível Donald Trump venceu as eleições para o cargo de Presidente dos Estados Unidos, com maioria no Congresso, o que irá lhe conferir amplos poderes para fazer o que quiser.

E ele já sinalizou que quer um país fechado para si mesmo, voltado para o capital, e sem muito espaço para direitos humanos. Ao longo da campanha, os discursos de Trump foram extremamente preconceituosos contra imigrantes e refugiados. A visão do futuro presidente dos EUA sobre as mulheres, conforme vídeos revelados nos últimos meses, é machista e desrespeitosa.

Mas não é só isso. Donald Trump acumula polêmicas desde garoto, quando, aos 13 anos, agrediu um professor em sala de aula. Depois que tornou-se milionário, entendeu que podia fazer tudo o que lhe viesse à mente, desde assediar mulheres à sua volta a sonegar impostos federais. Pois é justamente o sonegador de impostos que agora vai cuidar do cofre da maior potência do planeta.

O mundo acordou atônito. As bolsas em diferentes partes do planeta já começaram a despencar, temerosas do que vem pela frente. O problema do terremoto é que ele costuma vir acompanhado de tremores subsequentes, sem que se tenha ideia do estrago que podem causar no futuro.