Cidadeverde.com

Delação completa da Odebrecht chega hoje ao STF

A virada do ano vai ser um pesadelo para muitas autoridades brasileiras. Os procuradores da força tarefa da Lava Jato trabalharam pesado nos últimos dias para concluir os depoimentos dos 77 executivos da Odebrecht, a delação mais temida da república. Hoje, o resultado do trabalho vai ser encaminhado ao Supremo Tribunal Federal.

Se uma única delação, a do executivo Cláudio Melo Filho, já causou um tsunami em Brasília, imagine o tamanho do tremor que irão causar as 76 restantes. O ministro relator, Teori Zvascki, vai montar uma equipe especial para analisar toda a papelada, que também foi documentada em vídeo.

Com um processo eleitoral sustentado por campanhas milionárias, é difícil encontrar algum candidato no país que não tenha recebido ajuda financeira das grandes empresas. A questão é saber quando os repasses se limitaram apenas à ajuda de campanha e quando serviram para compra de votos, arquivamento de CPIs, ou apresentação de Medidas Provisórias que favorecessem os generosos financiadores.

O certo é que a promiscuidade entre empresas e políticos tornou-se lugar comum no país, até que a investigação sobre lavagem de dinheiro que iniciou em um posto de combustível começasse a revelar toda a estrutura de corrupção instalada na Petrobras.

O grande trunfo da Operação Lava Jato, ao trazer à luz todos esses fatos e punir os culpados, é deixar como legado a intolerância absoluta contra a prática da corrupção. Caso contrário, daqui a pouquíssimo tempo, estaremos assistindo ao mesmo tipo de denúncia, com estes ou outros autores. Por isso, a aprovação das 10 medidas contra corrupção é mais do que importante, é imprescindível.