Cidadeverde.com

Depoimento de Lula vira FLA X FLU

Com paixões exarcebadas, manifestantes pró e contra Lula armaram os espíritos como se fossem assistir a um FLA X FLU no Maracanã. Tudo por conta do depoimento que o ex-presidente irá prestar hoje, às 14h, em Curitiba, ao juiz Sérgio Moro, na Operação Lava Jato. Procedimento normal em um processo judicial, em que as partes têm de ser ouvidas. Nada mais que isso. No entanto, como tudo virou motivo para protesto no país, caravanas de ônibus partiram em direção ao Paraná para formar um espetáculo espalhafatoso e desnecessário.

O que o país precisa e espera é que os políticos prestem os devidos esclarecimentos à justiça e à sociedade que os elegeu quando pairam denúncias e dúvidas sobre seu comportamento enquanto agentes públicos. Nada mais que isso. Um juiz experiente como Sérgio Moro não se deixará levar por manifestações dessa natureza.

Se o intuito de promover esses atos é desviar a atenção do foco principal - o depoimento de Lula -  não vai funcionar. Não são esses os argumentos que vão convencer a justiça. O que precisa ser explicado é o objeto da denúncia de que Lula teria recebido propina da empreiteira OAS por meio da reforma de um triplex no Guarujá, litoral paulista, e o armazenamento de bens do ex-presidente. A defesa nega e insiste em dizer que o apartamento não pertence a Lula.

O depoimento está ganhando contornos de uma disputa de MMA, o que é lastimável. Em um país democrático, as instituições funcionam normalmente, independente dos nomes que estejam sob os holofotes. Mas, no país do carnaval, o espetáculo está sempre pronto para desfilar na avenida.