Cidadeverde.com

Começa hoje o 15° SALIPI

O Salão do Livro do Piauí é um vitorioso. Em uma terra com pouquíssimos incentivos à leitura, com uma grande massa de analfabetos e semianalfabetos, completar 15 anos ininterruptos de uma feira de livros dessa magnitude é uma grande vitória. Ainda mais se levarmos em conta as gigantescas dificuldades econômicas para viabilizá-lo. Não obstante, o Salão segue firme a cada ano, reunindo leitores, escritores e curiosos.

Este ano, o homenageado é o escritor Odilon Nunes. Há ainda homenagens especiais ao centenário de exposição da artista Anita Malfatti e ao centenário da Academia Piauiense de Letras. A grande festa do livro começa hoje à noite no espaço Rosa dos Ventos, ao lado da biblioteca da Universidade Federal do Piauí, e segue até o dia 11 de junho.

Além dos stands com a venda de livros, que atendem do público infantil ao adulto, o Salão conta ainda com uma vasta programação cultural, que inclui shows, palestras, bate-papo literário e apresentações de dança. Entre os nomes confirmados para este ano, estão Luiz Felipe Pondé, Rossandro Klinjey, Tico Santa Cruz, Gustavo Lacombe, Sérgio Cohn e Thalita Rebouças, entre outros.

É um programa para levar a família toda. Ler ainda é a melhor atividade para o cérebro e para a alma. A leitura alarga os horizontes do pensamento, enriquece o vocabulário, ajuda a construir o poder de argumentação e, ainda, transporta o leitor para viagens inimagináveis, aguçando a sua imaginação. Portanto, os piauienses têm encontro marcado com o Salão do Livro do Piauí que, mais uma vez, chega para a maior festa literária do nosso estado.