Cidadeverde.com

A infância violada em uma cela de presídio

A Secretaria de Justiça coleciona mais uma confusão para a sua já extensa lista de problemas acumulados no sistema prisional do estado. É absolutamente inadmissível, sob qualquer ponto de vista, que um garoto seja colocado na cela de um preso ( acusado por estupro) para passar a noite lá. Este talvez seja o fato mais grave já registrado na penitenciária Major César até agora.

A proteção à dignidade desse menino foi irremediavelmente violada. E pior: poucas vozes se fizeram ouvir em protesto a tamanho descalabro, à exceção do Conselho Tutelar.  A infância deve ser protegida de todo perigo. E qual perigo pode ser maior que um menino passar a noite na cama de um estuprador em uma cela de presídio?

É de se perguntar como é feito o controle, se é que há algum, de entrada e saída de visitas nos presídios do Piauí. Fato é que este episódio lamentável não pode ser deixado de lado. As responsabilidades precisam ser apuradas com rigor para que os culpados sejam punidos, inclusive os pais, que entregaram o filho como um cordeiro a ser imolado.