Cidadeverde.com

Plano de governo de W. Dias é copiado pela candidata do RN

Ontem, nós tratamos aqui neste espaço do uso indevido da internet. E os exemplos não param de aparecer. Descobriu-se que a candidata ao governo do Rio Grande do Norte, senadora Fátima Bezerra (PT) fez do seu plano de governo uma cópia mal feita do plano de governo  do ano de 2014 do piauiense Wellington Dias. Mal feito porque ela copiou trechos inteiros, absolutamente iguais ao original, sem se dar ao trabalho sequer de trocar nomes que identificam o plano como sendo do Piauí. Há frases em que a saudação destina-se aos “eleitores piauienses”, em vez de “eleitores potiguares”.

De tão primário, chega a ser risível. A assessoria da candidata admitiu que ela “se inspirou no programa de governo de Wellington Dias”. Inspiração é uma coisa, cópia é outra bem diferente. Não há nenhum problema em replicar ideias bem sucedidas em outros estados, mesmo que fossem de outro partido, ainda mais sendo da mesma agremiação partidária. Mas daí a não se dar o trabalho de escrever essas ideias com as próprias palavras, adaptando-as à realidade local, já é um pouco demais.

A traquinagem da candidata petista ao governo do Rio Grande do Norte, líder nas pesquisas até agora, lembra aqueles alunos que não estudam para a prova e colam a resposta do colega ao lado, exatamente igual, até que a professora descobre a fraude. O governador Wellington Dias deve estar feliz em saber que seu plano está servindo de modelo para outros estados brasileiros, já os eleitores potiguares descobriram que estão sendo enganados por uma candidata que não é capaz sequer de formular o próprio plano para apresentar à população do seu estado.

Como se vê, a internet segue como uma das grandes protagonistas desta eleição. Para o bem ou para o mal.