Cidadeverde.com

Foi dada a largada!

Começa hoje, oficialmente, o ano de trabalho para o governo Jair Bolsonaro, empossado ontem à tarde em Brasília. No pronunciamento feito ainda no Congresso, falando para os parlamentares, o novo presidente pediu o apoio da Câmara e do Senado para aprovar as medidas necessárias para a retomada econômica do país.

As informações que circulavam ontem, confirmadas pelo Ministro da Casa Civi, Onix Lorenzoni, davam conta de que ainda esta semana ou, no máximo, até a próxima, o presidente baixará alguns decretos para desregulamentar e destravar alguns setores produtivos, com a finalidade de estimular a produção e o empreendedorismo. Essas ações são voltadas para recuperar os milhões de empregos perdidos desde 2014.

O Brasil, de fato, tem pressa. Perdemos muito tempo com uma política econômica desastrosa, sustentada em subsídios artificiais, que, obviamente, não se seguraram. É hora de arregaçar as mangas e colocar o país de volta nos trilhos, trabalho que já começou, na verdade, com o ex-presidente Michel Temer, que conseguiu baixar a inflação, retomar o crescimento do PIB, ainda que de forma tímida, e começar a controlar as contas por meio do teto dos gastos públicos.

O pior cenário, portanto, já passou. Bolsonaro assume em um contexto favorável, no sentido de que os primeiros passos já foram dados. Além disso, ele conta com um forte apoio popular, que lhe dará respaldo para tomar as medidas necessárias, ainda que algumas sejam impopulares, como a imprescindível Reforma da Previdência. Para isso, ele vai precisar se comunicar melhor e abandonar o improviso das notificações feitas pela rede social durante a campanha. Agora, o jogo começa para valer e o Brasil precisa que ele acerte para que os brasileiros recebam aquilo que lhes foi prometido: paz, justiça e prosperidade.