Cidadeverde.com

A conta caiu no colo errado

A proposta encaminhada pelo governador  Wellington Dias à Assembleia Legislativa transfere para o trabalhador o ônus de um erro que é do próprio governo. O texto propõe o congelamento dos salários do servidores públicos estaduais e congela as promoções a que eles têm direito, com o argumento de que o governo ultrapassou o limite da Lei de Responsabilidade Fiscal.

Wellington Dias foi o governador do Piauí nos últimos quatro anos, portanto não pode se queixar de má gestão do antecessor. Aliás, esta já é a quarta vez que o petista administra o Estado. E por que permitiu que a folha de pagamento inchasse ao ponto de se tornar insustentável? Por que, só agora, percebeu que a folha deve obedecer ao limite de 60% da receita do Estado?

Os servidores que trabalham diariamente com dedicação e competência não têm culpa se o governo não soube gerir a política de pessoal. Eles têm direito a receber o reajuste para que seus salários não sejam corroídos pela inflação, assim como merecem as promoções a que fazem jus. Não é justo transferir para os servidores uma conta que eles não fizeram.

Mas o governo está certo de que sua proposta será aprovada. Afinal , conta com a esmagadora maioria de 26 dos 30 votos da Assembleia Legislativa. Os quatro votos da oposição, assim como os servidores, no máximo, podem fazer barulho.