Cidadeverde.com

No Brasil, a lama escorre por todos os lados

O ex-presidente Michel Temer nem teve tempo de comemorar a liberdade obtida na semana passada, por meio de uma liminar concedida pelo Desembargador Federal Antônio Athié, do Tribunal Regional Federal da 2ª Região, e já recebeu a notícia de que foi denunciado pelo Ministério Público Federal por lavagem de dinheiro e peculato.

A situação de Temer vai se complicando cada vez mais e a volta dele à prisão parece ser apenas uma questão de tempo. Ele já é réu em outros dois processos no Rio de Janeiro e acusado de receber propinas em valores que chegam a R$ 11 milhões. Enquanto era presidente da República , Temer se beneficiava do foro privilegiado; agora, na justiça comum, os processos começaram a andar sem a proteção de que gozava antes.

Ainda falta um dos processos mais intricados que pesam contra o emedebista, o que trata do decreto para beneficiar empresas portuárias. Dia a dia, vão somando-se novos e complicados processos contra o homem que sonhou em entrar para a história como o presidente que havia retirado o país de uma profunda recessão econômica. Ele até conseguiu este feito, mas, no futuro, sua biografia será lembrada pelos crimes de corrupção e, não, pelos feitos administrativos. Uma pena!