Cidadeverde.com

Arquidiocese de Teresina é vítima de golpistas

A Arquidiocese de Teresina é a mais nova vítima dos golpistas. Nos últimos dias, os fiéis têm recebido mensagens de texto nos celulares pedindo dinheiro em nome da Igreja Católica. Eles apelam para o sentimento solidário do teresinense e enviam mensagens nas quais falam sobre supostas campanhas de arrecadação.

A Igreja chegou a publicar nota de esclarecimento, explicando que não envia mensagem de texto pedindo dinheiro. E que todas as campanhas de arrecadação são divulgadas com antecedência nas missas ou nos perfis oficiais da Arquidiocese.  Lembra ainda que não está realizando nenhuma campanha, cobrança para quitação de débitos ou solicitando doações para os fiéis.

Servidor Municipal vai ganhar feriadão prolongado

Foto: Roberta Aline

A Prefeitura de Teresina vai presentear os servidores municipais com um feriadão prolongado no próximo mês. O prefeito Dr. Pessoa assinou decreto transferindo o feriado do dia do servidor público, celebrado em 28 de outubro, para o dia primeiro de novembro, véspera do feriado de finados, dia 2 de novembro. Somando os dois dias com o fim de semana, serão quatro dias seguidos de folga.

O decreto faz uma ressalva aos serviços considerados essenciais e de interesse público, como os prestados pela Fundação Municipal de Saúde nos hospitais, maternidades, UPA, SAMU, UBS, CAPS, CEOs e laboratórios centrais. Devem funcionar ainda os serviços prestados pelos agentes municipais de trânsito.

Veja decreto aqui

 

 

Cerimonial é coisa séria

O livro Cerimonial e Protocolo – Manual de orientação protocolar para gestores municipais – vai ser lançado hoje pela cerimonialista Emília Nunes. O livro é indispensável para gestores públicos que se preocupam com a imagem da sua administração. Muito mais do que dicas de boas maneiras, como alguns costumam imaginar, o cerimonial público segue uma regra de condutas voltadas para a organização das solenidades, obedecendo hierarquia, precedência e códigos adotados nacionalmente, alguns até mesmo internacionalmente.

Emília Nunes é uma das mais respeitadas cerimonialistas do país. Ela faz parte da Academia Brasileira de Cerimonial e Protocolo, é membro do Comitê Nacional de Cerimonial e Protocolo, da Associação Brasileira dos Profissionais de Cerimonial e membro da Organización Internacional de Cerimonial y Protocolo. Possui larga experiência e já ministrou vários cursos na área.

De forma prática e didática, ela lista, ponto a ponto, as principais dúvidas dos gestores. Questões que vão desde a montagem da mesa em uma solenidade, ao hasteamento de bandeiras, protocolos de funeral, até questões mais modernas como o uso de celular e eventos on-line.

O livro foi escrito com o apoio da Associação de Prefeitos Municipais, que reconheceu a importância de esclarecer aos seus associados sobre como cuidar da imagem e do ritual que o cargo de gestor exige.

Piauí se destaca na produção da energia do futuro

O Piauí celebra seu dia neste 19 de outubro com muita energia para festejar o passado de luta pela independência de Portugal e, também, com disposição para enfrentar o futuro com os olhos voltados para a sustentabilidade. O Estado está concentrando grandes usinas de geração de energia elétrica usando como matéria prima o sol e o vento.

Se durante muito tempo o sol forte que aquece o Estado o ano inteiro era associado apenas à seca, agora ele é fonte de riqueza. O Piauí abriga hoje o maior parque de energia fotovoltaica, ou energia solar, da América do Sul,  localizado em São Gonçalo do Gurguéia, a 800 km de Teresina. Foi o primeiro a usar placas solares bifaciais, capazes de captar energia dos dois lados do painel, aumentando a geração de energia em até 18%.

É tanto sol que o grupo responsável pelo empreendimento já está expandindo os investimentos por aqui, com a instalação da Unidade São Gonçalo III. Quando concluída, contará com mais de 2,2 milhões painéis solares e irá produzir 864MWh ano.

O mesmo entusiasmo existe com relação à energia eólica. O Piauí ocupa em outubro a quarta posição no país com relação a esse tipo de energia. Os ventos que sopram no Estado são considerados de excelente qualidade pela constância e velocidade.

No próximo dia 1°, começa a COP 26, a Conferência Climática em Glasgow, na Escócia, para tratar da redução do aquecimento global. Entre as propostas discutidas estão a diminuição da emissão de combustíveis fósseis e ampliação da oferta de energias renováveis. O Piauí já está dando a sua contribuição.

 

 

 

 

 

 

Fiocruz negocia com SUS produção de remédio para tratar Covid-19

Depois de fabricar a vacina desenvolvida pela Astrazeneca/Oxford no Brasil, a Fiocruz está em tratativa com a farmacêutica MSD – a Merck americana – para produzir na unidade de Farmanguinhos, no Rio de Janeiro, o antiviral molnupiravir para tratamento da Covid-19. O medicamento de uso oral é indicado para casos iniciais da doença e, nos primeiros estudos já realizados reduziu em cerca de 50% os riscos de hospitalização e morte.

A MSD solicitou a autorização de uso emergencial ao FDA, a agência reguladora norteamericana. O antiviral mostrou eficácia consistente contra as variantes virais alfa, delta e mu. A pílula não substitui a vacina, que é usada para prevenir a doença e bloquear a circulação do vírus.

A Fiocruz negocia produzir o medicamento para o SUS, a fim de que seja disponibilizado para a população. Antes, o molnupiravir precisa ser aprovado pela Anvisa.

Posts anteriores