Cidadeverde.com

Políticos criam Fundão para eleições 2018

Os políticos perderam o direito ao financiamento de suas campanhas através dos cofres das empresas, mas não perderam a criatividade para arrecadar fundos para suas candidaturas.

O relator da reforma política na Câmara Federal, deputado Vicente Cândido (PT-SP), incluiu em seu parecer proposta que vincula o valor a ser gasto nas campanhas do ano que vem à receita líquida do governo federal.

Com isso, o Fundo Eleitoral com dinheiro público que será criado para bancar as candidaturas de 2018 poderá ir a R$ 6 bilhões, mantidas as previsões do Ministério do Planejamento para este ano.

Inicialmente, o valor que estava sendo discutido era de R$ 3,5 bilhões. Para valer em 2018, esse Fundão deve estar aprovado antes de outubro próximo.

Rateio

A ideia dos líderes partidários em Brasília é que o fundo seja alimentado com recursos previstos no Orçamento e 10% do valor destinado a emendas parlamentares em anos eleitorais, calculado em cerca de R$ 2 bilhões.

Diferentemente do Fundo Partidário, que hoje chega a quase R$ 900 milhões por ano, o Fundo Eleitoral só existirá de dois em dois anos, quando houver eleições.

Diante, porém, da falta de recursos para a saúde e segurança, por exemplo, o eleitor seguramente não receberá com bons olhos mais essa esperteza dos políticos, que querem meter a mão no cofre público para fazer seus cartazes, montar seus palanques e custear suas viagens em busca de voto.

Interdição

A Superintendência da Polícia Rodoviária Federal no Piauí vai bater à porta do Ministério Público Federal para aplicar a resolução que proíbe a circulação de carretas na BR-135 à noite.

O trecho indicado para a adoção da medida é o que fica entre os municípios de Eliseu Martins e Cristalândia, mais conhecido como “a estrada da morte”.

Foto: Reprodução/Teresina Meu Amor

O Grupo Escolar Domingos Jorge Velho foi inaugurado em 1935

Homenagem

Em 2007, o governador Wellington Dias inaugurou, com pompa e circunstância, o Memorial Zumbi dos Palmares.

Um espaço novo? Não! O governo simplesmente pegou o tradicional Grupo Escolar Domingos Jorge Velho, inaugurado em 1935, na Avenida Miguel Rosa, por ele desativado, deu uma mão de tinta no prédio, raspou o nome do homenageado e lá mandou escrever em letras garrafais o nome do guerreiro Zumbi.

Justiça

Na ótica do governo, a Justiça estava, enfim, feita: caía Domingos Jorge Velho, o exterminador de índios, e subia ao trono da memória histórica do Piauí o valente Zumbi, defensor dos negros!

O foguete comeu solto nos céus da Chapada do Corisco.

Zumbi destronado

Pois bem! Apenas dez anos depois, Zumbi dos Palmares é destronado e o Memorial que tinha o seu nome passa a se chamar agora Esperança Garcia, depois de ganhar uma nova reforma.

O Memorial Esperança Garcia, ex-Zumbi dos Palmares, será reaberto hoje.

Foto: Divulgação

Esperança Garcia destrona Zumbi, que destronou Domingos Jorge Velho, e dá nome ao memorial

* Sai hoje o resultado do concurso da PM, quando a Uespi divulgará a relação dos 480 aprovados para a próxima fase.

* Os médicos credenciados pelo IPMT e Plante, da Prefeitura de Teresina, suspenderam ontem o atendimento por uma semana.

* Com a paralisação, eles reivindicam reajuste para os valores dos procedimentos.

* O aumento nos preços dos combustíveis nunca foi solteiro. Ele sempre vem acompanhado de outros.

Nervos de aço

Do presidente nacional do PTB, ex-deputado federal Roberto Jefferson:

- Como dizia Mão Santa, atentai bem, povo brasileiro. Com o PT de volta ao poder, a Venezuela vai ser aqui. Uma tirania violenta de esquerda.