Cidadeverde.com

Progressista avança no interior

Foto: Divulgação

O Progressista puxa 18 prefeitos para seus quadros

Indiferente ao mimimi do PMDB do Piauí, o Progressista avança como maior partido do Estado. Ontem, a sigla realizou em Teresina um ato de filiação em massa de prefeitos e outras lideranças, no qual o governador Wellington Dias e o prefeito Firmino Filho fizeram coro pela reeleição do senador Ciro Nogueira, presidente nacional do Progressista.

Com as filiações de ontem, o Progressistas passa de 44 para 62 prefeitos filiados no Piauí. Os novos filiados saíram principalmente de legendas que hoje são adversárias do governo. Como a esmagadora maioria dos políticos piauienses, esses novos filiados ao PP também não vivem sem governo, independente de qual seja o partido no poder.

Na briga pela vice

O presidente estadual do Progressista, deputado Júlio Arcoverde, afirmou que o PP continua apoiando o senador Ciro Nogueira como candidato à reeleição e vai se manter na briga para manter a vice-governadora Margarete Coelho no cargo. A posição de vice vem sendo reivindicada pelo PMDB.

O governador confirmou seu apoio à reeleição do senador, mas se esquivou quanto às demais posições da chapa majoritária, indicando que as definições ficam para o próximo ano.

Já o prefeito Firmino Filho foi além: ele disse que vota incondicionalmente no senador Ciro Nogueira, em 2018, independente de partido ou coligação.

O senador declarou, por sua vez, que o seu sonho para as próximas eleições é juntar no mesmo palanque o governador e o prefeito de Teresina, o que até o momento não parece uma das tarefas mais impossíveis nem das mais difíceis. Tanto Wellington quanto Firmino também querem isso.

 

Foto: Viviane Setragni/Portalcorrente

Ministério Público Federal faz audiência pública sobre Matopiba em Corrente

Matopiba

O Ministério Público Federal realizou em Corrente uma audiência pública para discutir o avanço da agropecuária, grilagem de terras e impactos socioambientais na região do Matopiba.

O evento foi promovido pelo Grupo de Trabalho Cerrado, da 4ª Câmara do MPF, e contou com a participação de procuradores federais, representantes de ONGs nacionais e internacionais, de comunidades tradicionais e rurais situadas nas zonas de conflitos agrários, especialistas e representantes do poder público.

Licença u renúncia?

Surgiu uma dúvida sobre a ida do vereador Genival Sales (PT) para a presidência da Agespisa. Ele precisa apenas se licenciar ou renunciar ao mandato? A Lei Orgânica do Município de Piripiri, onde ele exerce o mandato, autoriza, mas a Constituição Estadual não é clara quanto a isso.

O vereador Dudu (PT), de Teresina, assumiu o cargo de ouvidor-geral do Estado, porém a pasta tem status de secretaria, o que não é o caso da Agespisa.

Primeira Capital

A Assembleia Legislativa realiza sessão solene em Oeiras, no próximo dia 15, em comemoração aos 300 anos de fundação da cidade, a primeira capital do Piauí.

A proposta foi do presidente da Casa, deputado Themístocles Filho. Várias personalidades serão homenageadas na ocasião.

Vapt-vupt

O presidente da Assembleia passou ontem, mais rápido que uma bala, no local das filiações ao PP. Saiu antes do início do ato, a pretexto de presidir a sessão da Assembleia.

Em outras palavras, deu por visto.

Foto: Divulgação

Reforma -  O presidente da Assembleia Legislativa, Themístocles Filho (PMDB), e deputados receberam ontem o superintendente da Caixa Econômica Federal do Piauí, Elizomar Guimarães. Eles participaram da solenidade de entrega da obra de reforma da agência da Caixa que funciona no Palácio Petrônio Portela – sede da Assembleia- e é voltada para o atendimento dos servidores da Casa. A obra durou dois meses. 

 

 

* O ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira,  vai proferir amanhã, às 17h, na sede da Fiepi, a palestra “Modernização trabalhista”.

 * Depois do Progresistas, é o PTB do Piauí que faz uma sessão de novas filiações. Será na quinta-feira, a partir das 19h, no Cine-Teatro da Assembleia Legislativa.

* Ao ato estarão presentes o presidente nacional da sigla, ex-deputado federal Roberto Jefferson, e o senador Armando Monteiro (PE).

* Um dos organizadores do evento é o ex-senador João Vicente Claudino, que, por sua vez, não vai se filiar ao partido. Pelo menos agora, não.

 

Sem vaias

Ouvido ontem na Assembleia Legislariva, após o encontro do Progressistas para filiações de novas lideranças:

Observador 1: - Dessa vez, o Ciro Nogueira se livrou das vaias.

Observador 2 – Sim, pois o único petista que apareceu lá nas filiações foi o governador.