Cidadeverde.com

O poder de fogo do PT

É um erro subestimar o poderio do PT, mesmo dois anos após a queda do poder, com o impeachment da presidente Dilma e a recente condenação do ex-presidente Lula em segunda instância por corrupção. O partido se mantém com poder de fogo.

A agenda política nacional é definida, em grande parte, pelos petistas. Foi o partido que puxou a campanha que praticamente inviabilizou a reforma da Previdência.

Ninguém desconhece que ela é necessária, mas o tema se tornou impopular e hoje poucos se arriscam a meter a mão no fogo para aprovar a mudança nas aposentadorias e pensões.

Auxílio-moradia

Basta ver também o episódio do auxílio-moradia pago a magistrados, ao Ministério Público e a outras carreiras do funcionalismo. O benefício já existe há pelo menos quatro anos, mas somente agora vem repercutindo tão ampla e negativamente.

Claro que em grande parte o PT está por trás dessa pauta, com a qual não se escandalizava até ver suas principais lideranças na cadeia ou a caminho do xadrez, em sucessivos julgamentos da Justiça. Está nas redes sociais a principal trincheira petista contra o auxílio-moradia.

Toda a mídia corre atrás do assunto e, hoje, graças à movimentação do PT, o auxílio-moradia já é quase tão impopular quanto a reforma previdenciária.  

 

 

Protesto

A bancada da oposição não ficou para ouvir o discurso do governador Wellington Dias abrindo ontem o Ano Legislativo.

O deputado Robert Rios (PDT) justificou a ausência dele e dos colegas: foi um protesto.

“Veja a mensagem do governador de 2017. Nada foi cumprido”, sustentou.

Foto: Divulgação

Mão Santa recebe líderes da oposição em Parnaíba

Ventos do Norte

O prefeito de Parnaíba, Mão Santa (SDD), que está no circuito da sucessão estadual, recebeu o presidente nacional do seu partido, o deputado federal Paulinho da Força, além de lideranças da oposição no Estado, à frente o ex-governador Wilson Martins (PSB) e os deputados Robert Rios (PDT) e Juliana Falcão (MDB).

João-sem-braço

No começo, o presidente Temer queria de verdade a deputada Cristiane Brasil (PTB) no Ministério do Trabalho. Agora não quer mais.

Matreiro, ele joga nas mãos do Supremo a sorte da deputada.

Se o veto ao nome de Cristiane for mantido na Corte, ele se vê livre dela e também da conta.

Garotos-propaganda

Desfalcando de vozes mais autorizadas para defender a reforma da Previdência, o governo Michel Temer está recorrendo aos seus ministros, cada qual o mais carismático e o mais acreditado!

A campanha está nas redes sociais.

É como se diz por aí: “Quem não tem cão, caça com gato”.

Foto: Marcos Corrêa/Presidência da República

Temer recebe piauienses - O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Themístocles Filho (MDB), participou ontem, no Palácio do Planalto, de audiência com o presidente Michel Temer. O senador Elmano Ferrer (MDB) também participou do encontro, que discutiu, entre outros temas, uma maior autonomia aos Legislativos estaduais e a inclusão da BR-222 no Programa de Aceleração do Crescimento – PAC. Os presidentes das Assembleias Legislativas do Nordeste também se fizeram presentes à audiência, além do presidente da União Nacional dos Legisladores Estaduais (Unale), deputado Luciano Nunes.

 

 

* O sociólogo Messias Júnior anuncia para sexta-feira o lançamento do livro-revista com a história do Bloco do Paçoca, que comemora 21 anos de folia.

* O lançamento será a partir das 20 horas, na Quadra 29 (Avenida Principal do Sacy), com Erivelton Batuqueiro.

*Agora o PT avisa que não reconhecerá a eleição se Lula não for candidato em 2018.

* Há 30 anos, o partido também não reconheceu a Constituição que era promulgada e ela está aí.

 

Milagres acontecem

Do governador Wellington Dias, ontem, na abertura dos trabalhos da Assembleia Legislativa para 2018:

- Foi praticamente um milagre termos mantido o equilíbrio financeiro e o Estado não entrar em colapso em 2017, porque foi um ano de muitas dificuldades.