Cidadeverde.com

O troca-troca partidário

Os partidos promoveram, nos últimos dias, verdadeiras festas para receber seus novos filiados. Os atos de filiação se intensificaram com a aproximação do fim do prazo fixado pela “janela partidária”. Ele acaba amanhã para quem pretende concorrer às eleições deste ano.

Sob os mais diferentes pretextos, políticos deixam suas legendas para trás e, sem-cerimônia, ingressam em outras, nas quais são recebidos como heróis. Muitos até estão retornando aos seus antigos partidos. Outros mudaram de legenda há pouco, muito pouco tempo, e já estão mudando de novo...

Nesse troca-troca, os partidos imaginam que estão se fortalecendo politica e eleitoralmente. Poucos atentam para o fato de que os novos filiados estão apenas se aproveitando das siglas nas quais buscam abrigo para levar adiante as suas pretensões eleitorais.

Incoerência e oportunismo

Mais adiante, se eleitos, não terão a menor dificuldade em chutá-las, pois a rigor não têm por elas a menor consideração, como não tiveram pelas legendas anteriores que lhes deram guarida.

Todos os líderes proclamam que uma democracia se faz com partidos fortes. Mas como fazer partidos fortes diante de um entra e sai como esse, que muitas vezes transformam os partidos apenas em siglas de aluguel?

Há quem veja nesse troca-troca partidário um espetáculo da democracia. Pode ser, mas ele está mais para um deprimente espetáculo de incoerência e oportunismo.

 

Lula na prisão

O juiz Sérgio Moro, coordenador da Lava Jato, não deixou a poeira sentar e ontem mesmo decretou a prisão do ex-presidente Lula.

Pelo decreto, o ex-presidente tem até às 17 horas de hoje para se apresentar voluntariamente à Polícia Federal, em Curitiba.

O ex-presidente foi condenado a 12 anos e 1 mês de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro.

Cela especial

O decreto de Sérgio Moro ressalta que a prisão deverá ser feita sem o uso de algemas, e que Lula deverá ficar numa cela especial em função da “dignidade do cargo que ocupou”.

Se o ex-presidente não se apresentar, será preso pela Polícia Federal.

Foto: Divulgação

Zé Filho: de volta ao PSDB

Chegou o Zé!

“Ninguém se perde no caminho de volta”. Foi com essa frase que o ex-governador Zé Filho assinou ontem a ficha de filiação ao PSDB. O ato foi abonado pelo deputado estadual Luciano Nunes, presidente do diretório estadual da sigla e pré-candidato ao Governo do Estado pelo partido. Zé Filho já foi filiado ao PSDB, durante o período em que foi prefeito de Parnaíba, entre 1997 e 2001. Ele será candidato a deputado nas próximas eleições.

Fórum

A Editora Fórum realizará, nos dias 12 e 13, em parceria com o Tribunal de Contas do Estado, o Fórum Ambiental, que objetiva colocar em discussão temas como o Estatuto das Cidades, Desertificação, Saneamento e Licitações Sustentáveis e os aspectos jurídicos e suas implicações.

O evento será realizado no auditório do TCE, e terá entre os palestrantes o presidente e editor da Editora Fórum, Luis Cláudio Rodrigues, a vice-governadora Margarete Coêlho e a conselheira Lílian Martins.

Mandatos recuperados

O ministro Jorge Mussi, do Tribunal Superior Eleitoral, suspendeu ontem à tarde decisão do Tribunal Regional Eleitoral que cassou os mandatos de seis vereadores de Valença do Piauí.

O ministro acolheu ação cautelar ajuizada pelo advogado Norberto Campelo em defesa dos vereadores.

Fantasmas

O TRE havia acolhido denúncia de que as coligações dos vereadores tinham incluído candidaturas fantasmas de mulheres, incorrendo em fraude eleitoral.

Os seis vereadores cassados já foram afastados e seus suplentes devidamente empossados.

Agora, com a decisão, devem ser afastados e voltam os seis titulares.

Foto: Divulgação

Gol de placa - O deputado Fábio Novo deixa a Secretaria de Cultura com um gol de placa. Além de tocar uma gestão realizadora, a melhor deste século na área cultural, ele sai do cargo nas graças dos servidores do órgão. Fábio conseguiu com o governador Wellington Dias o encaminhamento do projeto de lei que regulamenta o Plano de Cargos, Carreira e Salários dos Servidores da Secult, uma luta de mais de 30 anos.

 

 

* A pré-candidata à presidência da República pelo PCdoB, Manuela D’Ávila, suspendeu sua visita ao Piauí, marcada para o dia 8.

* O presidente regional do partido, Osmar Junior, informou ontem, em nota, que a visita foi cancelada porque a pré-candidata está participando de agendas em solidariedade ao ex-presidente Lula.

* O ex-senador João Vicente Claudino faz hoje o caminho de volta ao PTB. Não será certo, no entanto, se concorrerá às próximas eleições.

* O presidente Michel Temer jantou na quarta-feira na casa do presidente nacional do PP, senador Ciro Nogueira, com o anfitrião e a bancada do partido.

 

Viver e conviver

Do humorista Fraga:

- A verdade é a seguinte: nossa sociedade não tem condições de viver em sociedade.