Cidadeverde.com

Em que país vivem os ministros do STF?

Atingido em cheio pela crise de credibilidade que afeta os demais Poderes da República, o Supremo Tribunal Federal dá mais uma demonstração de que não está nem aí. A última do STF foi decidir pela inclusão, no orçamento de 2019,  da previsão de reajuste salarial de 16,38% para os ministros da Corte.

Atualmente em R$ 33,7 mil, o salário dos ministros poderá ultrapassar R$ 39 mil a partir do ano que vem.

Votaram a favor do aumento do próprio salário os ministros Alexandre de Moraes, Dias Toffoli, Gilmar Mendes, Luiz Fux, Luis Roberto Barroso, Marco Aurélio e Ricardo Lewandowski.

Votaram contra os ministros Carmen Lucia, Celso de Melo, Edson Fachin e Rosa Weber.

Efeito cascata

Esse aumento nos salários dos ministros do Supremo, que são já são os mais altos da República, traz alguns graves problemas a mais para o país.

O primeiro é que o amento tem efeito cascata. Ou seja, produzirá uma enxurrada de outros aumentos, gerando uma conta bilionária para os brasileiros pagarem, porque na prática se estende a todos os magistrados e baliza o teto do funcionalismo.

Aí estão incluídas várias categorias de privilegiados servidores públicos, como desembargadores, juízes, procuradores, promotores de justiça, defensores públicos, delegados de polícia e outras.

Quebradeira

Segundo problema: os governos estão quebrados, em todos os níveis. Alguns Estados, como o Piauí, com o caixa em crise, se viram obrigados a parcelar em duas vezes o reajuste de pouco mais de 6% do piso salarial do professor.

A medida resultou em uma greve do magistério que já passou de 60 dias, com adesão de pelo pelos 70% da categoria, segundo informações do Sinte-PI. O movimento compromete o ano letivo de 2018.

Desemprego

O terceiro problema é que o aumento do teto dos ministros do Supremo representa um tapa na cara de mais de 13 milhões de brasileiros que estão desempregados e sem nenhuma perspectiva de trabalho a médio prazo.

Mais um triste e supremo exemplo que vem de cima! Em que país vivem os ministros do STF?

 

 

Mão na massa

O Tribunal de Contas do Estado já constatou que Prefeituras e Câmaras Municipais piauienses gastaram pelo menos R$ 24 mil com inscrições em premiações.

As condecorações foram feitas por duas empresas acusadas de fazerem parte de um esquema de venda de prêmios a prefeitos e outros gestores.

Pelo menos 15 municípios piauienses já apareceram na relação das “homenagens”.

A investigação segue.

Assaltos nas escolas

De 2015 para cá, foram registrados mais de 800 arrombamentos, assaltos, arrastões, furtos e roubos nas escolas da rede municipal de educação de Teresina.

O levantamento é do secretário municipal de Educação, Kleber Montezuma.

À luz do dia

Ele disse que até há pouco os bandidos entrava nas escolas nos finais de semana, na madrugada.

Agora, eles invadem creches e outras escolas em plena luz do dia, com as crianças e professores em sala de aula.

- Eu sei da situação nas escolas da rede municipal, mas esses crimes acontecem também nas escolas estaduais e nas particulares – denuncia.

Tropas federais

E, para quem ainda tem dúvida sobre a falta de segurança no Piauí, vem mais esta: o Tribunal Superior Eleitoral aceitou, por unanimidade, os pedidos de envio de forças federais ao Estado.

O Exército vem reforçar a segurança em 114 municípios piauienses durante as eleições de outubro.

E mais

Ao votar a favor do pedido do TRE do Piauí, o presidente do TSE, ministro Luiz Fux, registrou em seu relatório que o tribunal já autorizou o envio de forças federais ao estado nas últimas três eleições – em 2016, 2014 e 2012. 

As zonas eleitorais que receberão as tropas federais estão situadas em Teresina e em outros 113 municípios. 

Precisa de maior atestado sobre a falta de segurança no Piauí?

Incentivo prorrogado

O governo federal prorrogou os incentivos fiscais da Sudene até 31 de dezembro de 2023. Com a medida, mantém-se a redução do Imposto de Renda em até 75% para os empreendimentos que se implatarem no Nordeste. O benefício vale também para as empresas que modernizarem, ampliarem ou diversificarem seus investimentos na região.

O presidenrte da Associação Industrial do Piauí, Gilberto Pedrosa, avalia que a renovação dos incentivos por um prazo maior melhora a competitividade das empresas do Nordesrte.

 

 

* Ainda com folgada maioria, a bancada do governo está matando a oposição no cansaço na Assembleia Legislativa.

* Os parlamentares governistas simplesmente não comparecem ao plenário, negando quórum para as deliberações.

* O líder da oposição, Robert Rios (DEM), por exemplo, apresentou um requerimento convocando o secretário de Educação, Helder Jacobina.

* Ele quer que o secretário preste esclarecimentos sobre a Operação Topique, realizada pela Polícia Federal.

 

 

Pedagogia do crime

Do secretário municipal de Educação, professor Kleber Montezuma, com as mãos na cabeça, sobre o aumento de arrombamentos, assaltos, roubos e furtos nas escolas de Teresina:

- Do jeito que vamos, as escolas de Teresina serão assaltadas dia sim e no outro também.