Cidadeverde.com

Cofre vazio, criatividade farta: caminhão homenageia escândalo na Petrobras

Em dia de folia também é possível falar de política. Foi isso que os "corseiros" do caminhão Petrolão fizeram. Insatisfeitos com o escândalo envolvendo a Petrobras, eles protestaram de forma bem humorada durante o Corso de Teresina neste sábado (7).

A ideia partiu da bancária Denise Leal. Mas quase não vingou. "Era certeza que teríamos um caminhão no Corso. Mas estávamos divididos entre o Petrolão e o Islamismo. Gostamos de temas polêmicos. Acabamos optando pelo Petrolão mesmo", comentou a bancária.

Para protestar, os "corseiros" investiram cerca de R$ 2.000 na decoração do caminhão, na customização de camisas (coletes laranjas semelhantes aos usados por trabalhadores de uma plataforma de petróleo) e na confecção de notas de R$ 1.000.

"Acredito que podemos ganhar o prêmio, não pela decoração, mas pela nossa criatividade", vibrou Denise.

Flávio Meireles
[email protected]