Cidadeverde.com

Segurança no Corso terá reforço de mais de 700 policiais militares

A Polícia Militar garantirá mais de 700 homens para reforçar a segurança durante o Corso de Teresina (PI), no próximo dia 18. O plano de ação foi apresentado em reunião, na tarde desta quarta-feira (8), pelo coronel Carlos Augusto, comandante geral da PM, ao secretário estadual de Segurança Pública, Fábio Abreu. 

Serão 709 policiais militares, quer percorrerão o trajeto do Corso e estarão também nas imediações, onde a tropa será ampliada em relação aos anos anteriores. Além disso, serão colocados 20 elevados na extensão do percurso, inclusive com a presença do Corpo de Bombeiros. 

O delegado geral da Polícia Civil, Riedel Batista, anunciou que 50 policiais vão trabalhar no Corso, alguns deles a paisana, para identificar o possível comércio de drogas durante o evento. Também serão colocadas viaturas em pontos fixos. Em parceria com a PM, serão feitas prisões de suspeitos de furto e roubo. 

Outro ponto importante será o reforço na Central de Flagrantes em relação aos delegados plantonistas, para atender a demanda de ocorrências que poderá vir da avenida Raul Lopes. Uma delegacia móvel funcionará embaixo da ponte estaiada para reforçar o registro das ocorrências.

"Nós vamos deslocar os policiais a partir das 14h do dia do Corso e esses policiais vão permanecer até o final da dispersão", disse Batista.

 

Com informações da TV Cidade Verde
redacao@cidadeverde.com