Cidadeverde.com

Brasileiros estão sacando da poupança para as contas do dia-a-dia

Os brasileiros estão sacando cada vez mais dinheiro da poupança para cobrir os gastos do mês e o resultado disso é que a caderneta teve, em junho, a maior saída de recursos dos últimos 20 anos - os saques somaram R$ 6,26 bilhões, segundo o Banco Central. No primeiro semestre, o montante sacado foi de R$ 38,54 bilhões. O dinheiro que antes era depositado, agora serve para pagar o supermercado, a prestação da casa, do carro ou até mesmo a diarista - a prova de que a crise está atingindo mais diretamente as famílias brasileiras, que preferem sacar as economias do que aumentar os gastos e pagar juros e multas.

Quem está em situação melhor também está retirando dinheiro da poupança. Isso porque, de acordo com os economistas, a caderneta tem rendido bem menos que outros investimentos, como o fundo de renda fixa, que rendeu 10,30% nos últimos 12 meses, já descontando o Impostode Renda cobrado. A poupança rendeu apenas 7,39% nesse mesmo período. Os dados são da Anefac.