Cidadeverde.com

Black Friday: Cliente "fecha" caixa para comprar 120 fardos de Nescau

Assim como em outras capitais do país, Teresina também registrou alguns problemas com a Black Friday. Em um dos supermercados da zona Leste de Teresina, um consumidor passou quatro horas esperando para comprar 120 fardos do achocolatado Nescau. A confusão começou quando o caixa informou que cada pessoa só pode passar dois fardos por vez. "Não tem nada informando dessa regra no supermercado. Não tinha como eu saber. Aí, depois de 1 hora e meia na fila esperando, o caixa fala isso. Não é correto com o consumidor", afirma o comerciante Irlan Silva de Lima. 

A unidade do Nescau custa em média R$ 1,25. Um fardo, com 27 unidades, custa aproximadamente R$ 34. Com a promoção da Black Friday, a unidade estava saindo R$ 0,95. "Sou dono de lanchonete. Para mim, vale a pena comprar em quantidade. Além de não ter nada informando sobre a regra de limite, meu cartão seria bloqueado se eu passasse várias vezes o mesmo valor, porque isso indica fraude", explica o comerciante. Ele diz ainda que, revoltado com a discussão, "fechou" o caixa e se recusou a sair até comprar os fardos. "Fui até o caixa eletrônico e saquei todo o valor necessário. Voltei lá e paguei, depois de quatro horas, mas eles queriam que eu passasse de dois em dois", completou. 

A Black Friday vai durar todo o final de semana na maioria dos estabelecimentos. Em outros, durará uma semana. A esperança é de queima dos estoques, para que o comércio se recupere financeiramente e se prepare para o Natal. A campanha é a porta de entrada das vendas de final de ano. 

Reclamações

Até o meio-dia, o ReclameAQUI registrou 2.265 queixas de consumidores durante esta edição da Black Friday. O monitoramento começou a ser feito às 10h de quinta-feira (26), quando diversas empresas participantes do evento já haviam lançado suas ofertas.Nesse intervalo de tempo, a KaBuM! figurava como a companhia mais reclamada, com 455 problemas citados. Em seguida, apareciam a Americanas.com, com 198, e a Submarino, com 152. A maioria das reclamações feitas no site, por enquanto, são referentes a propagandas enganosas (37%). Os problemas na finalização da compra aparecem em segundo lugar, com 7,4% das queixas.