Cidadeverde.com

Serra Gaúcha e praias do Nordeste são os destinos mais procurados pelos piauienses

Os atentados que atingiram a Europa e ameaçam os Estados Unidos, aliados à alta do dólar e o encarecimento do valor das passagens e hospedagens, fizeram os piauienses preferirem os voos domésticos neste final de ano. A constatação é do gerente de vendas da Miracéu Turismo, Adalberto Leitão. Segundo ele, os destinos nordestinos tem sido bastante procurados em 2015, mas os espetáculos natalinos apresentados na Serra Gaúcha (RS) chamaram mais a atenção dos piauienses.

"Os destinos mais procurados estão sendo o Nordeste e o Sul. E, estamos vendo que os espetáculos da Serra Gaúcha têm se consolidado, ano após ano, por isso continuam sendo tendência para as viagens de fim de ano, mas Maceió, Natal e Salvador também estão bastante procurados, assim como Balneário Camboriú (SC)", analisa o gerente.

Adalberto explica que, para quem se programou com antecedência, a viagem para a Serra Gaúcha, completa - incluindo até os espetáculos - saiu de R$ 2.200 a R$ 2.800 por pessoa. Mas, quem deixou para a última hora, pagará até 70% mais caro, por causa das passagens de avião, que sempre inflacionam nessa época do ano. 

Já os preços das viagens pelo Nordeste dependem, principalmente, do local da hospedagem. Adalberto ressalta que, como se hospedar em resorts está "na moda", essas viagens podem custar de R$ 7 mil a R$ 10 mil, como por exemplo, nos hotéis de luxo localizados na costa baiana e em Maceió. "Mas, em baixa temporada, é possível encontrar pacotes de até R$ 3 mil nesses resorts". Por outro lado, quem optou por economizar nessas viagens pelo Nordeste, vai viajar de ônibus. Adalberto afirma que a rodovia foi a alternativa mais buscada, principalmente entre os jovens. 

Os locais mais "em conta" para viajar no final do ano, de acordo com o gerente, são as capitais vizinhas: São Luís (MA) e Fortaleza (CE), nessa ordem. "Para conseguir viajar gastando menos, o mais indicado é programar com antecedência. Também é importante procurar bons descontos e, quando se contrata o pacote fechado com uma agência de turismo, a viagem sai até 30% mais barata", avalia.

Tendências para 2016

Para o gerente, a tendência em 2016 dependerá muito da realidade econômica. "O brasileiro não deixa de viajar. Isso é fato. Se essa alta do dólar for revertida, as pessoas vão voltar a viajar para a Europa. Se não, vão continuar viajando pelo Brasil, mas, o que percebemos é que antes, os piauienses viajavam muito para o litoral do Ceará e agora estão preferindo o litoral do Piauí, como Barra Grande. Essa tendência também é vista em pessoas de outros Estados", pondera.

Punta Cana é um dos destinos internacionais que deve ser tendência em 2016

Adalberto ressalta que, em 2015, a procura por pacotes de viagens para Montevidéu, no Uruguai, e Punta Cana, na República Dominicana, surpreendeu e virar tendência também em 2016. "Devido à insegurança geradas pelos atentados, esses dois destinos registraram pelo menos 12% mais procura", finaliza.