Cidadeverde.com

Aberta a temporada de troca de presentes: lojistas aproveitam para aumentar as vendas

 

Está aberta a temporada de troca de presentes. Na tarde do último sábado (26) e deste domingo (27), os lojistas de Teresina registram um movimento intenso de consumidores que precisam trocar presentes. Apesar do trabalho extra, esse momento tem um lado bom: o aumento das vendas. Segundo o Sindicato dos Lojistas, as vendas devem crescer pelo menos 10%, quando comparadas a um dia comum do comércio.

"Essa troca impulsiona mais vendas. É um processo normal, mas que esse ano estamos percebendo mais acentuado. E, esse percentual cresce ainda mais com o reforço daqueles que deixam para comprar o presente depois do Natal, em busca de melhores preços", explica o vice-presidente do Sindlojas, Tertuliano Passos.

 

 

Já para o empresário Célio Eduardo, do ramo de bijuterias e acessórios, o crescimento das vendas, somente neste sábado, foi de 20%. "A pessoa vem trocar um colar que não gostou e compra um brinco para combinar. Geralmente, os produtos com desconto são os que mais saem", explica.

A empresária Mariane Cristina, do ramo de vestuário feminino, comemora um resultado ainda melhor. "Tivemos um expressivo crescimento de vendas no Natal e, geralmente, após os feriados, as vendas ficam reduzidas, mas desta vez, não. Chegamos a 40% de aumento nas vendas, somando trocas e presentes atrasados", diz. Mariane também percebeu a demanda maior por coisas que combinam com o item que foi dado de presente.

 

 

"A cliente chega aqui para trocar uma peça que não serviu ou que ela não gostou e acaba levando uma outra, para usar junto. E, como é para si mesma, a pessoa acaba se permitindo gastar um pouco mais, principalmente aproveitando as promoções de Natal que ainda estão valendo", acrescenta.

É também comum que a pessoa vá trocar o presente acompanhada de outra, o que aumenta a possibilidade de novas compras. "Entre em uma loja para acompanhar um casal de amigos que estava trocando uma calça cumprida e acabei levando uma outra calça e mais uma peça, que gostei na loja", conta Rafael Pereira.

Para trocar o presente, em geral, não é necessário apresentar nota fiscal – o que seria indelicado por informar à pessoa presenteada o valor do presente. Basta que a etiqueta não tenha sido retirada. Mas, a troca só é permitida se o novo produto for de valor igual ou acima do comprado antes. 

Jordana Cury
jordanacury@cidadeverde.com