Cidadeverde.com

Países da União Europeia querem tirar de circulação a nota de € 500

O ministro das Finanças francês, Michel Sapin, afirmou que os países da União Europeia (UE) querem tirar de circulação a nota de € 500. A justificativa é que a nota é utilizada em operações "desonestas", financiando o terrorismo e a lavagem de dinheiro, e não para as compras. O plano foi elogiado pelos ministros da UE. 

Em reunião nesta sexta-feira (12), os ministros defenderam "restrições adequadas sobre os pagamentos em dinheiro, que excedam determinados limites" e uma análise com o Banco Central Europeu (BCE) sobre as medidas relativas às notas de maior valor, particularmente as de 500 euros. Essas notas representam 3% do dinheiro em circulação e 28% do seu valor, de acordo com estatísticas do BCE.