Cidadeverde.com

Idosa aposentada aposta na venda virtual de roupas infantis

A aposentada Rita Machada resolveu dar uma reviravolta na sua vida já na terceira idade. Acostumada a costurar para a família, ela decidiu se tornar uma empreendedora virtual, e hoje, aos 69 anos, vende vestidos infantis que estão fazendo sucesso entre as mamães de todo o país. Os preços variam de R$ 40 a R$ 80 e toda a negociação é feita virtualmente: pelo Facebook ou pelo WhatsApp. A iniciativa de Rita teve destaque nacional.

A idosa conseguiu transformar uma necessidade - ela costurava para os 15 irmãos devido a origem humilde da família - em uma atividade lucrativa, que completa a renda da aposentadoria. "Muitas vezes, passava a noite na casa de uma vizinha para poder usar a máquina de costura. Mesmo nova, já sabia que era completamente apaixonada por transformar tecidos em roupas". Sua primeira máquina de costura foi adquirida aos 17 anos - presente do pai. A partir daí, a cearense não parou mais de costurar.  Mas, desde o início deste ano, ela parou com as encomendas do dia a dia e passou a investir na internet. 

"Era uma possibilidade de oferecer meu trabalho para mães jovens, que são conectadas, a vestirem suas princesinhas. A produção, as vendas e as entregas ficariam mais fáceis", explica. Com a mudança, a aposentada faz os vestidos do jeito que sonha e vende os modelos prontos e exclusivos pela internet. Para a costureira, o trabalho é uma "terapia". Segundo ela, ver uma menina usando um vestido da marca "Dona Ritinha", faz todo o esforço valer a pena.  "Fico muito feliz fazendo o que amo. É meu trabalho, minha missão deixar essas princesas ainda mais lindas".