Cidadeverde.com

Temer poderá legalizar jogos de azar para gerar receita

O governo Temer poderá legalizar os jogos de azar para aumentar a receita da União. De acordo com a Folha de S. Paulo, a ideia é defendida por pelo menos dois componentes do novo governo - pelo ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, e por Geddel Vieira Lima, da Secretaria de Governo. A legalização deve incluir os bingos, os cassinos e até o jogo do bicho. 

Para o ministro do Turismo, todos os tipos de jogos devem ser legalizados porque hoje eles funcionam de forma clandestina e não geram receita, além de serem uma forma eficiente de atrair turistas e fomentar a atividade econômica do país. Ele disse ainda que Temer simpatiza com a ideia, mas ainda não a discutiu oficialmente.

Henrique Alves calcula que os jogos de azar liberados geraria receita de até R$ 20 bilhões por ano à União. "Seria uma nova CPMF", defende. O Ministério Público Federal, entretanto, se opõe a ideia, argumentando o risco de aumentar a lavagem de dinheiro e a corrupção.