Cidadeverde.com

Consumidor começa a trocar cartões de crédito por cartões de loja


O percentual de consumidores que usam o cartão de crédito caiu de 42% em 2015 para 40% em 2016. Por outro lado, o percentual que utiliza cartões de lojas e supermercados avançou de 25% para 28% no mesmo período, representando o maior patamar em pelo menos 10 anos. Os dados fazem parte de uma pesquisa realizada pela Fecomércio.

Segundo o levantamento, os critérios para a escolha do cartão de crédito da loja são os seguintes:

- rapidez na aprovação (30%)
- valor das parcelas (30%)
- prazo para parcelamento (25%)
- menor taxa de juros (22%)

Para atrair os consumidores, esses cartões geralmente colocam como vantagem a possibilidade de esticar mais o prazo de pagamento, diminuindo o valor das parcelas.

“Está mais difícil aprovar um crédito bancário do que pegar um crédito na própria loja. O crédito de loja depende exclusivamente do lojista. Ele pensa: ‘vou aumentar a receita e correr mais riscos’. Vai do limite de cada lojista até onde ele tem condições e vale a pena assumir esses riscos”, disse o economista da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), Flávio Calife.