Cidadeverde.com

Energia renovável: Piauí receberá R$ 15 bilhões em dois anos


O Piauí deve receber R$ 15 bilhões em investimentos voltados para energias renováveis nos próximos dois anos. O valor foi confirmado durante reunião ocorrida ontem (3) entre o governador Wellington Dias (PT) e representantes da Enel Green Power - considerada a maior operadora de energias limpas do mundo. 

A empresa já atua no Nordeste, nos estados da Bahia, Pernambuco e Rio Grande do Norte. No Piauí, ela está implantando em Ribeira do Piauí o projeto Nova Olinda II, que depois de ser concluído terá capacidade para se tornar o maior parque de energia solar do mundo, gerando 400 megawatts de energia. Somente na etapa atual da obra estão sendo gerados 1.700 empregos diretos. 

O diretor de desenvolvimento de novos negócios da Enel, Marcio Tranning, destacou ainda a pressa em começar um novo projeto, em Lagoa do Barro, que prevê a geração de 620 megawatts de energia, com investimento estimado em US$ 1,5 milhão por cada kilowatt. Em dezembro, a Enel Green Power participará de um leilão do Ministério de Minas e Energia, onde pretende arrematar mais um lote de exploração de energias eólica e solar no Piauí. O estado é o terceiro do país em produção de energia solar e 4º em produção de energia eólica.