Cidadeverde.com

Após melhora, comércio piauiense tem 2º pior resultado do país


Em outubro, o volume de vendas no varejo piauiense recuou 1,7% frente a setembro, é o que revelam os dados do IBGE, divulgados nesta terça-feira (13). No mês de setembro, a alta referente a agosto havia sido de 1,3% e era a segunda maior do país, ficando atrás apenas do Amapá (1,7%). Veja aqui. Desta vez, os dois estados foram os que tiveram as maiores taxas de variação - ambos com 1,7%. Somente Roraima teve pior resultado (- 1,9%). Por outro lado, Acre (2,3%) e Rondônia (1,7%) foram os estados com avanços mais acentuados para essa comparação.

Resultado nacional

Frente a outubro de 2015, o volume de vendas do comércio varejista recuou em 25 dos 27 estados e os recuos mais intensos foram na Paraíba (-18,7%) e no Amapá (-16,9%). As influências mais intensas sobre a taxa do varejo vieram de São Paulo (-6,4%) e Rio de Janeiro (-10,6%).

No país, o volume de vendas no varejo recuou 0,8% frente a setembro, na série com ajuste sazonal - quarto resultado negativo consecutivo nessa comparação, acumulando perda de 3,2% nesses quatro meses. Já a receita nominal de vendas recuou 0,5% frente a setembro. Com esse resultado, a média móvel trimestral do volume de vendas permanece em queda, repetindo a variação de -0,8% em outubro, enquanto o mesmo indicador para receita nominal recuou 0,2%, após ficar praticamente estável em setembro (0,1%).