Cidadeverde.com

Sejus recebe relatório sobre inquérito de fraude em concurso

O secretário estadual de Justiça, Daniel Oliveira, confirmou que já recebeu do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco), o relatório da investigação do concurso de Agentes Penitenciários do Piauí, que aconteceu em setembro e foi constatada a fraude. 

Ele informou ao Cidadeverde.com que encaminhou o relatório à Procuradoria Geral do Estado, que deve dá um parecer até o dia 10 de janeiro. 

“Recebi o relatório da polícia, mas por orientação da PGE não posso dar qualquer informação. Vamos aguardar a decisão da procuradoria que creio que virá até o dia 10”, enfatizou Daniel Oliveira.

Existe uma polêmica de possível anulação do certame, depois que a polícia investiga uma suposta fraude. Cinco pessoas foram presas em flagrante, no dia do concurso que ocorreu em setembro deste ano e o caso está em investigação. 

O concurso

O concurso para agentes penitenciários do Piauí teve quase 8 mil inscritos para 400 vagas. O salário inicial oferecido é de R$ 5.966,14. Por estar proibido de contratar pessoal por ter ultrapassado o limite prudencial da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), o concurso abriu vagas apenas para cadastro reserva, mas o governo garantiu chamar imediatamente pelo menos os 75 primeiros.

O concurso é direcionado a candidatos com nível superior completo em qualquer área do conhecimento e foi realizado pela Nucepe. 

 

Flash de Jordana Cury
Redação Caroline Oliveira
redacao@cidadeverde.com