Cidadeverde.com

Queda do dólar deixa o exterior mais atrativo para os brasileiros

O Banco Central divulgou que as despesas de brasileiros no exterior subiram 75% no primeiro bimestre deste ano, para R$ 2,93 bilhões. Em janeiro e fevereiro de 2016, haviam somado US$ 1,68 bilhão. O aumento dos gastos se deu, principalmente, pela queda do dólar, apesar de os brasileiros ainda estarem em recessão. 

Com o dólar em baixa, os preços de hotéis e passagens aéreas ficam mais atrativos. No mês passado, o dólar registrou alta de 2% e terminou fevereiro cotado a R$ 3,11. Mesmo assim, ainda ficou bem mais barato do registrado nos dois primeiros meses de 2016 - quando oscilou ao redor de R$ 4.

Somente em fevereiro, o aumento de gastos lá fora foi de 62%. No mês passado, essas despesas totalizaram US$ 1,36 bilhão, contra US$ 841 milhões em fevereiro de 2016. Entretanto, os gastos ficaram abaixo do registrado em fevereiro de 2015 - quando somaram US$ 1,48 bilhão.