Cidadeverde.com

Mercado reduz estimativa da inflação pela 7ª vez

Pela sétima vez, o mercado financeiro reduziu a estimativa de inflação para 2017, comprovando que a variação de preços está mesmo controlada no país. Para o próximo ano, a estimativa é que a inflação continue baixa, em torno de 4,32%, abrindo espaço para mais cortes na taxa de juros básicos e recuperação econômica. Apesar disso, os especialistas mantiveram a previsão de queda da Selic para 8,5% até o final do ano e para 2018. Veja mais detalhes do Boletim Focus, divulgado nesta segunda-feira (24), pelo Banco Central. 

Previsão para 2017:
Inflação pela IPCA: baixou de 4,06% para 4,04% (abaixo do centro da meta, que é 4,50%).
PIB: crescimento de 0,43% (semana passada era 0,40%).
Taxa de juros (Selic): previsão de 8,5% ao ano até o final de 2017. Atualmente, os juros estão em 11,25% ao ano. 
Dólar: R$ 3,23
Balança comercial: US$ 53 bilhões de superavit.
Entrada de investimentos: US$ 75 bilhões.

Previsão para 2018:
Inflação pela IPCA: recuou de 4,39% para 4,32% (ligeiramente abaixo do centro da meta).
PIB: crescimento de 2,50% (mesma previsão da semana passada) .
Taxa de juros: 8,5% ao ano.
Dólar: R$ 3,38
Balança comercial: US$ 42 bilhões de superavit.
Entrada de investimentos: US$ 75 bilhões.