Cidadeverde.com

Aeroporto de Teresina reduz gastos com energia elétrica em 10%

As ações para reduzir o consumo de energia no Aeroporto de Teresina tiveram resultado. Segundo informações da Infraero, enviadas à Coluna Economia & Negócios do Cidadeverde.com, a equipe conseguiu reduzir o consumo de energia no terminal em 156 MWh, representando uma economia de 10,34% durante esse período. 

A empresa atribui o resultado à modernização e automação dos sistemas de acionamento de iluminação do pátio, do estacionamento de veículos e demais áreas externas. Estão sendo estudadas também outras alternativas para garantir a utilização mais eficiente da energia elétrica. A médio prazo, está sendo preparada a implantação de lâmpadas de LED, em substituição à iluminação fluorescente e a vapor de sódio, em áreas como pátio de aeronaves, saguão, salas de embarque e desembarque. 

As estimativas são que a substituição proporcione uma redução de consumo na ordem de 40%, para o sistema de iluminação, com tempo médio para retorno do investimento aplicado em 18 meses. A longo prazo, existe um projeto de implantação de energia solar em uma das unidades consumidoras. A iniciativa poderia gerar uma redução no custeio do consumo de energia elétrica mínima de 58,71%, com tempo de retorno do investimento estimado em cinco anos.