Cidadeverde.com

5 dicas de como fazer o primeiro currículo

Foto: Divulgação/Google

A construção do primeiro currículo não é tarefa fácil. Quem acaba de sair da faculdade e quer ser visto pelo mercado de trabalho tende a colocar todos os cursos que fez no papel para impressionar os possíveis futuros chefes. Mas há cuidados essenciais para que esse primeiro currículo, ao invés de ser atrativo, não se torne chato ou confuso.

Veja 5 dicas:

1) Economize papel: o currículo deve ser sucinto, ter, no máximo, duas folhas e não há necessidade de uma capa com o nome "currículo", como se fazia antigamente.

2) Organize em categorias: coloque informações pessoais, depois sua formação e cursos extracurriculares, como o curso de idiomas. Coloque as informações em ordem cronológica, do mais recente para o mais antigo.

3) Evite autoelogios: frases como "sou criativo e proativo" não soam bem. Esse tipo de informação deve ser avaliada pelos recrutadores durante entrevista.

4) Priorize os cursos que tenham a ver com a vaga desejada: não adianta dizer que fez um curso de culinária, se a vaga é para professor de matemática. Isso só alonga o currículo, deixando-o mais confuso e menos direto. Mas vale, e muito, ressaltar os cursos de língua e demais cursos da área.

5) Destaque trabalhos voluntários: isso mostra comprometimento e profissionalismo. Ótima saída para quem não tem experiência nenhuma.