Cidadeverde.com

Medicamentos terão aumento a partir do dia 31 de março

Foto: Germano Lüders/VEJA

Treze mil medicamentos ficarão mais caros a partir de 31 de março. O reajuste anual foi confirmado pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED) e será de 2,09%, 2,47% ou 2,84%, dependendo da concorrência no mercado.

O menor reajuste será de produtos ainda protegidos por patentes, como oncológicos, antivirais e vacinas. O maior reajuste vai para produtos com mais fabricantes e versões de medicamentos genéricos. 

Este é o segundo ano seguido que o reajuste dos medicamentos será pequeno (abaixo da inflação). De 2013 a 2017, o IPCA acumulado foi de 36,48% ante 32,51% dos reajustes médios autorizados pelo governo.