Cidadeverde.com

Quanto custa completar o álbum da copa de 2018?

Foto: Divulgação

A pouco mais de 2 meses para a Copa do Mundo na Rússia, cuja estreia ocorrerá em 14 de Junho em Moscou, a paixão pelo álbum de figurinhas já entrou em campo, com força total. O que muitos não sabem é que a tradição de colecionar figurinhas pode ser rentável no futuro. Uma réplica do álbum da Copa do Mundo de 1970 junto com os 288 cromos pode sair mais de R$ 1 mil em um dos marketplaces mais populares do Brasil. Mas isso é bem no futuro, porque, por enquanto, a mania vai pesar - e muito - no bolso.

Preços em 2018

A edição de 2018 conta com 682 cromos, contra 640 da edição de 2014. O que chamou a atenção do consumidor na banca ao adquirir os produtos foi, de prontidão, os preços. O custo unitário do pacote de figurinhas sai o dobro do cobrado na edição prévia: de R$ 1 para R$ 2, com 5 figurinhas. Se o valor cobrado fosse baseado no IPCA, o preço deveria ser 46% menor do que o atual, ou de aproximadamente R$ 1,37. 

O Cuponation (plataforma de descontos online) divulgou que, estatisticamente, para conseguir completar a nova edição, levando em conta o número de cromos repetidos e ainda sem incluir a troca dos mesmos entre amigos, custará pelo menos R$ 1.938, valor 115% mais alto do que o desembolsado pelo consumidor para completar a edição de 2014, que foi, aproximadamente, R$ 901,05.

Ainda, se comparado ao valor calculado com base no IPCA, o preço total de completar o álbum está 83% mais alto do que o estimado pelo índice do IBGE, sendo este R$ 1.058,16. 

A plataforma de descontos também estima que para conseguir todos os 682 cromos seja necessária a compra de pelo menos 969 pacotes de figurinhas, ou 68 pacotes a mais que a última edição. Veja aqui mais detalhes da pesquisa.

Voltar Cidade Verde Amarela