Cidadeverde.com

Dólar abre em queda, após fechar o dia na maior alta em dois anos

O dólar encerrou a segunda-feira (23) com alta de 1,2%, sendo cotado a R$ 3,4516 - a maior desde 2 de dezembro de 2016. Mas, nesta terça-feira, a moeda americana iniciou o dia em queda. Às 9h02, caía 0,34% frente ao real, com cotação de R$ 3,4397.

Na Bolsa de Valores, o dia de ontem foi de oscilações. O índice Ibovespa, da Bolsa de Valores de São Paulo, começou o dia em queda, alternou momentos de altas e baixas durante a tarde, até encerrar a sessão praticamente estável, com alta de 0,06%, aos 85.602 pontos.

Além das tensões políticas no Brasil, o mercado foi influenciado pelo cenário internacional. Indicações de que a inflação nos Estados Unidos pode ser maior que o previsto aumentaram a demanda por títulos do Tesouro norte-americano, considerados o investimento mais seguro do mundo.

A inflação da maior economia do planeta em alta aumenta as possibilidades de que o Federal Reserve (Fed), Banco Central norte-americano, eleve os juros além do previsto. Taxas mais altas em economias avançadas atraem os investidores internacionais, que retiram o dinheiro de países emergentes, como o Brasil, pressionando para cima a cotação do dólar.