Cidadeverde.com

Piauí tem a menor cobertura de esgotamento sanitário do país

Foto: Arquivo Cidade Verde


Apesar do intenso processo de verticalização visível na capital, o Piauí é o estado brasileiro com o menor número de apartamentos. Apenas 1,5% das unidades habitacionais são dessa categoria. A informação foi divulgada na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua, do IBGE. O maior percentual de apartamentos encontra-se no Distrito Federal: 31,4% das unidades.

 

Foto: Divulgação/Google

A pesquisa mostra ainda que o Piauí tem o segundo maior percentual de domicílios com parede de alvenaria ou taipa sem revestimento. Do total de unidades, 17,1% estão nessa situação, ficando atrás apenas do estado do Maranhão, onde 23,1% dos domicílios não tinham paredes com revestimento. 

Por sua vez, o estado com o melhor indicador era do Nordeste, a Paraíba, onde apenas 2,3% dos domicílios não tinham suas paredes revestidas. 

Menos casas com água

O Piauí registrou queda no que diz respeito à disponibilidade de água nos domicílios. Em 2016 cerca de 93,8% dos domicílios possuía disponibilidade diária de água, enquanto que em 2017 esse indicador caiu para 91,3% dos domicílios. 

Em 2017, o estado com a menor proporção disponibilidade diária de água foi o de Pernambuco, com um índice de 38,1%, enquanto que a unidade da federação com a maior proporção de domicílios com disponibilidade diária de água foi o Espírito Santo, com 98,8%.

Mas o Piauí não está tão "mal na fita". No país inteiro, 86,7% dos domicílios tem água todos os dias, ou seja, o Piauí está acima da média e em 11º lugar do país.

Sem esgotamento sanitário

Em 2017, o Piauí apresentou a menor proporção de domicílios no país com rede geral ou fossa séptica ligada à rede geral de esgotamento sanitário, com apenas 8,9% dos domicílios tendo acesso a esse serviço. 

Estados vizinhos como o do Maranhão e do Ceará apresentam indicadores superiores, respectivamente de 19,5% e 44,9%. No Brasil o Estado com o maior indicador é São Paulo, com 93,1%, seguido do Rio de Janeiro, com 87,5%. 

Coleta de lixo

Com relação à proporção de domicílios com lixo coletado diretamente pelo Poder Público, o Piauí tem a antepenúltima colocação no país, com 65,1% dos domicílios tendo acesso a esse serviço, só superando os estados do Maranhão, com 50,3%, e do Tocantins, com 64,0%.