Cidadeverde.com

Com pouca mercadoria, preços na Ceasa começam a subir

Foto: Jordana Cury/Cidadeverde.com

Foto de arquivo

A greve dos caminhoneiros começou a ter reflexos mais expressivos no abastecimento de alimentos de Teresina. Na Ceasa, a movimentação de clientes é normal, mas somente dois caminhões haviam conseguido chegar ao local até esta manhã, levando carregamentos de tomate e cheiro verde.

A qualidade dos produtos também já está sendo afetada. Não há um colapso como o que está acontecendo no Sudeste do país, mas a situação começa a preocupar os permissionários.

O preço do quilo de alguns produtos já subiram: 

- Abacate: subiu de R$ 3,80 para R$ 5 e em alguns lugares já está em R$ 6;
- Melancia: subiu de R$ 0,90 para R$ 1,20;
- Batata: subiu de R$ 2,79 para R$ 3,50.

Ontem, a maior parte dos comerciantes fechou a banca mais cedo e a tendência deve ser a mesma nessa sexta-feira (25). 

 

*Com informações de Gorete Santos