Cidadeverde.com

Teresina recebe selo de turismo para agilizar projeto de R$ 25 milhões

Foto: Nayara Oliveira/MTur

O Ministério do Turismo concedeu à capital do Piauí, Teresina, o Selo Oficial +Turismo, distinção que garante prioridade na tramitação de projetos que dão entrada na linha de crédito Prodetur+Turismo. 

O documento foi entregue na última segunda-feira (24), pelo secretário nacional substituto de Estruturação do Turismo do MTur, Paulo Roberto André, ao prefeito de Teresina, Firmino Filho, em Brasília (DF). Orçada em R$ 25 milhões, a proposta contempla ações de fortalecimento do turismo de negócios, a requalificação do centro histórico-comercial da capital, a implantação de sinalização turística e a revitalização da orla do rio Parnaíba, entre outras obras de infraestrutura.

De acordo com o secretário Paulo André, o carimbo do MTur certifica a qualificação técnica da proposta, que já chega ao banco contratado alinhada à política nacional do Turismo. “Teresina atendeu aos requisitos para receber o Selo Oficial +Turismo. O projeto vai trazer mais qualidade ao turismo da capital e dar novo impulso ao desenvolvimento do setor no estado", disse.

Para o prefeito Firmino Filho, a linha de crédito vai fortalecer a infraestrutura turística da capital piauiense. “Teresina tem uma vocação para a prestação de serviços em setores específicos, como a saúde e o comércio. A priorização que o ministério dá à nossa cidade é um incentivo para investirmos em turismo e consequentemente recebermos melhor nossos visitantes”, garantiu.

Este é o quinto selo emitido pela Pasta a municípios do Nordeste, logo após João Pessoa (PB), Natal e Tibau do Sul (RN) e Caucaia (CE). Alagoas tem um investimento privado em análise e Indiaroba, em Sergipe, também já protocolou seu pleito. Até o momento, a carteira de projetos recebidos pelo Prodetur+Turismo já ultrapassa R$ 2,26 bilhões. O valor total disponibilizado pela linha de crédito é de R$ 5 bilhões.