Cidadeverde.com

PI: 48% dos acidentes de trabalho ocorrem no ramo da construção civil

Foto: reprodução / TV Cidade Verde

O setor da Construção Civil foi o que mais fechou postos de trabalho nos últimos anos: eram 60 mil funcionários em 2014 e agora, em 2019, são menos de 9 mil, de acordo com o sindicato da categoria.

Mas, a redução não foi observada no número dos acidentes de trabalho. O Ministério Público do Trabalho (MPT) informou que 48% dos acidentes de trabalho dos últimos seis anos aconteceu com funcionários do setor.

A maioria dos acidentes envolve choque elétrico, queda de altura e soterramento. Para o sindicato, ainda existe resistência nas empresas em emplantar padrões de segurança. "Não basta só fornecer os equipamentos, tem que treinar, orientar para que o trabalhador se adeque ao uso", disse Gilvan Firmino, secretário geral do Sitricon. 

Os acidentes e mortes no trabalho aumentaram em todos os setores. Entre os anos de 2017 e 2018, o número total de mortes dobrou. Ainda assim, o Ministério acredita que muitos casos deixam de ser notificados. "As empresas têm receio de serem fiscalizadas e sofrerem as penalidades que advém dessas fiscalizações e também das ações judiciais", avalia Flávia Nogueira, auditora fiscal do Trabalho.

Veja mais informações sobre o assunto no vídeo da TV Cidade Verde: